indians indigenous people brazil indios pueblos indígenas brasil indianer indigene völker brasilien

Ecoturismo no Brasil

Geologia

Turismo de Aventura / Brasil – Os habitantes das Américas foram chamados de índios pelos europeus que aqui chegaram. O termo “índio” provém do facto de que Cristóvão Colombo, quando chegou à América, estava convencido de que tinha chegado à Índia e dessa maneira chamou os povos indígenas que ali encontrou.

A hipótese mais aceita para a sua origem é que os primeiros habitantes da América tenham vindo numa série de migrações da Sibéria para o Alasca através duma ponte terrestre (Beríngia), que se teria formado durante a última glaciação entre 24 e 9 mil anos atrás.

Acredita - se que os ameríndios (índios das Américas), no território atual brasileiro, por volta de 5000 anos atrás, se concentravam principalmente na regiâo da atual Amazônia. De acordo com critérios linguísticos, tinha dois troncos principais na época: Macro - Tupi e Macro - Jê. O tronco Macro-Tupi é constitudido por sete famílias, entre outros os Tupi - Guarani.

Estas sociedades caracterizavam-se pela prática de uma horticultura de raízes, pela importância vital da caça e da pesca, pela mudança periódica dos povoados, pelas guerras intertribais incluiendo a prática de antropofagia, pela poligamia, bem como pela inexistência, de diferenciações sociais significativas, ou de formas institucionalizadas de religião. As espécies cultivadas foram mandioca, milho, amendoim, feijão, batata-doce, cará (inhame), jerimum (abóbora) e cumari (pimenta).

Segundo o (IBGE), 2,4 milhões de pessoas estipula-se que habitavam o atual território brasileiro no século XVI. Em 500 anos de despovoamento (genocídio ?) devido a doenças trazido pelo homem branco, o exhausto da escravidão e as guerras intertribais, este número foi dizimado drásticamente. De acordo com informações da Fundação Nacional do Índio (FUNAI), vivem hoje no Brasil cerca de 345 mil índios, distribuídos entre 215 sociedades indígenas, mais cerca de 55 grupos isolados, que prefazem cerca de 0,2% da população brasileira. Pelo menos 180 línguas são faladas pelos membros destas sociedades – Mata Atlântica / Povos Indígenas.

Fonte: Brasil, 500 anos de povoamento (IBGE)
            Instituto Camões (Portugal)