mata atlântica brazil trails history origin mata atlântica brasil senderos sendas historia origen mata atlântica brasilien trails wanderwege geschichte entstehung

Trilhas

Origem e História

trilha do ouro
Mata Atlântica / Ecoturismo – A grande maioria das trilhas atuais de trekking & mountain bike na Mata Atlântica foram abertos pelos povos indígenas antes do século XV (veja Caminho do Peabiru / Trilha dos Tupiniquins).

Depois da colonização portuguesa no século XVI, as trilhas foram utilizadas pelos conquistadores portugueses, jesuítas, caçadores de índios, escravos africanos (veja quilombos) e das bandeiras que expandiram as trilhas para o interior do pais, o chamado sertão ou hinterland.

Durante os séculos XVII e XVIII, serviram para o transporte de ouro, diamantes e mais tarde do café do interior do pais aos pontos de embarque no litoral. Uma das trilhas mais importantes desta época foi o Velho Caminho do Rio de Janeiro, hoje conhecido como Estrada Real, que ligava Vila Rica (atual Ouro Preto) em Minas Gerais com Paraty no Rio de Janeiro.

Antes da construção da Rio - Santos em 1970, as comunidades locais usaram estas trilhas por motivos religiosos, comerciais e para a caça. Apesar dos riscos, as vezes era mais fácil de cruzar as montanhas de que contorná-las.

Com o aumento de estradas e o tráfico de barcos no século XXI, as trilhas foram abandonadas. Hoje em dia ainda são usadas por alguns membros das comunidades locais (veja caiçaras), Romeiros e pelos aficcionados do ecoturismo – Passeios Ecológicos / Brasil.